antonio braz
Telefone: (18) 4101-1143 • (18) 3223-9880
Emails: contato@antoniabraz.com.br | antoniabraz@antoniabraz.com.br
Siga: palestraspalestraspalestrante Compartilhe:

Os sinônimos do Carnaval

Uma das festas mais populares da cultura brasileira vem aí! Carnaval para muitos, ou apenas sinônimo de feriado prolongado para outros. Muita coisa mudou desde aqueles tempos de anos dourados com bailes graciosos e blocos familiares, marchinhas e samba no pé sem maldade. Com o tempo, o carnaval virou uma festa nacional com transmissão pela TV e milhares de reais gastos em produção de luxo, fora as músicas agressivas e as bebedeiras protagonizadas por muitos jovens durante os quatro dias de festas.

Uma pesquisa realizada há alguns anos pelo Instituto Sensus mostra que em todo o Brasil, 57% dos brasileiros não gostam de Carnaval e somente 21% pretendia brincar nas ruas ou viajar para brincar no Carnaval. A pesquisa mostrou ainda que 49% dos brasileiros queriam descansar em casa no feriado e apenas 6% pretendiam viajar. De lá para cá, a opinião dos brasileiros pode ter mudado, mas o contexto negativo das festas que incluem estradas com motoristas alcoolizados e acidentes, o bordão “ninguém é de ninguém”, seguidos por outros exageros ainda prevalece diante do olhar crítico das pessoas mais tradicionais.

Uma solução para aproveitar esses dias é observar que existem festas para todos os gostos. Se imagine em qual situação você, sua família e amigos se encaixam melhor. Alguns planos que costumam dar certo são: viajar para perto da natureza, se o desejo for fugir dos grandes centros com escolas de samba, ou das cidades menores que realizam os tradicionais carnavais de rua. Praias mais desertas para quem quer relaxar, ou ir para o litoral mais agitado curtir a folia, mesmo que moderadamente.

Se o orçamento está apertado e o plano é ficar em casa aproveite então para ir ao cinema, preparar um jantar gostoso, reunir os amigos, ler um bom livro, escutar música, passear com as crianças ou colocar as coisas em ordem. O que não pode é ficar desanimado ou se lamentando que o carnaval de outrora fosse melhor que o de hoje. Lembre-se: A folia depende de você!

Gostou? Então Compartilhe com seus amigos:
 
Comentários:
 
 
Últimos Artigos
News
Cadastre-se e receba informativos
VEJA UM VIDEO
 
Últimos Artigos
Palestras
Facebook
 
Siga: palestraspalestrantepalestrantes Compartilhe:
 
 

 
palestras © 2012 todos os direitos reservados
Web Design