antonio braz
Telefone: (18) 4101-1143 • (18) 3223-9880
Emails: contato@antoniabraz.com.br | antoniabraz@antoniabraz.com.br
Siga: palestraspalestraspalestrante Compartilhe:

Fui mal no Enem, e agora? Como curar a "ressaca do ENEM"

30/10/15
Fui mal no Enem, e agora? Como curar a ressaca do ENEM

Você foi para o local de prova, fez seu melhor, mas saiu com a impressão de que foi mal no ENEM e que não conseguiu os resultados que procurava? Calma! Esse não é o momento de se desesperar. Muito pelo contrário. Está na hora de colocar tudo em seu lugar.

A "ressaca do ENEM" é muito mais comum do que você imagina. A maior parte dos candidatos que fazem a prova em busca de seus sonhos ficam pensando e relembrando cada uma das perguntas com aquele sentimento de que poderia ter feito muito melhor, mas isso não é motivo pra ficar se lamentando.

Fiz o ENEM e agora?

A primeira coisa que você deve fazer é manter a calma. Não adianta fazer o ENEM e ficar se desesperando depois. A contagem de pontuação do Exame Nacional do Ensino Médio é bem diferente de outras provas tradicionais. Quando a sua pontuação é somada, não conta apenas o número de acertos, mas as dificuldades dessas perguntas.

Se você acertar metade da prova, não significa que receberá 500 pontos. Algumas perguntas são consideradas mas difíceis e outras mais fáceis de acordo com as taxas de resposta dos candidatos. As perguntas que a maioria das pessoas acerta, por exemplo, tem peso menor na pontuação final. Portanto, você terá uma pontuação muito maior se acertar as perguntas com menor índice de acertos.

A contagem de pontos do ENEM é complexa e bem difícil de compreender, porque também conta o grau de habilidade do candidato naquela matéria de acordo com suas respostas no exame. Portanto, a melhor coisa a se fazer é manter a calma e esperar o resultado final para saber se realmente foi bem ou mal na prova.

Tive uma baixa pontuação. O que fazer?

Como eu expliquei algumas vezes antes, o primeiro passo é não se desesperar. Manter a calma é a melhor estratégia para conseguir mais resultados na próxima tentativa. Com tranquilidade, você conseguirá analisar quais os pontos em que teve mais dificuldades para aprimorar para o próximo ano.

Mas, antes de voltar a estudar, você precisa de um descanso. Não enfie sua cara nos livros de uma vez. Você já fez o ENEM e estudou muito para isso. Seu cérebro precisa de um tempo para relaxar, acalmar e assimilar toda a situação. Dê este tempo para ele e seus estudos serão mais produtivos.

Passado este momento de descanso, você deve encontrar onde teve mais dificuldades no ENEM e aplicar a maior parte dos seus esforços nesses estudos. Com a mente mais relaxada e com mais vontade de estudar, os seus resultados serão muito melhores.

Você já ouviu falar do Princípio de Pareto? Ele diz que 80% dos resultados são originários de 20% dos esforços. Quando vamos procurar o foco de nossas maiores dificuldades, estamos atrás desses 20% que poderão nos trazer mais resultados e podemos aplicar mais esforços neles, aumentando ainda mais nossos resultados.

Calma, consciência e vontade são o segredo para fazer o ENEM e conquistar mais resultados no próximo ano.

Gostou? Então Compartilhe com seus amigos:
 
Comentários:
 
 
Últimos Artigos
News
Cadastre-se e receba informativos
VEJA UM VIDEO
 
Últimos Artigos
Palestras
Facebook
 
Siga: palestraspalestrantepalestrantes Compartilhe:
 
 

 
palestras © 2012 todos os direitos reservados
Web Design